Conserto de astronautas

Como compartilhar os dados do Google Search Console para o Analytics

O Google Search Console (antigo Google Webmaster Tools) é uma produto gratuito que fornece dados e recursos de análise para ajudar a melhorar o desempenho do seu site na pesquisa do Google.
O mesmo pode ser integrado à sua conta Analytics, exibindo preciosos dados de pesquisa orgânica e ajudando de maneira decisiva suas análises. Se você ainda não fez a integração veja como fazer no passo a passo!

Integre Search console com o Analytics

Ao entrar em seus relatórios Analytics, entre em Aquisição >> Otimização de Mecanismos de Pesquisa. Se a mensagem abaixo for exibida você ainda não integrou e basta clicar no botão para iniciar.
Configurar o compartilhamento de dados das Ferramentas do Google para webmasters
Importante salientar que é necessário ter o Search Console do site previamente instalado e acesso administrativo à ambas ferramentas. Também é possível iniciar a configuração das Configurações da propriedade dentro da área de administrador do Google Analytics.
 Configurações da propriedade analytics
No final das configurações de propriedade, identifique a sessão Ferramentas do Google para Webmasters e clique no botão Ajustar as Ferramentas do Google para webmasters.
Ajustar as Ferramentas do Google para webmasters
Clique no link Editar para prosseguir.
associar seus dados webmaster tools
Uma nova janela será aberta e será necessário selecionar o site correto e depois clicar em salvar. Se a opção desejada não for exibida, significa que o site pode estar associado com outra conta ou que ainda não foi configurado no Search Console, se for esse o caso aprenda como configurar.
associar o site do webmaster tools n o analytics
Uma janela de confirmação será exibida e basta confirmar no botão OK para prosseguir.
Confirmar a associação
Após a confirmação os dados estarão disponíveis na seção Otimização de mecanismos de pesquisa 😉
dados compartilhados do gwt no ga
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *