house of cards criada bigdata por netflix

Seo Letter #112 Edição Abril de 2016

As águas de março fecharam o verão como nunca, mas abril começa pegando fogo no mundo digital e temos muita informação para digerir.

Em estudo recente, a turma do Facebook descobriu que os famosos 6 graus de separação estão encolhendo e agora já são 3,5 em média, ou seja, a cada dia estamos mais próximos de conhecer todo mundo em todo mundo rs.

Além de mais próximos também somos muitos a se juntar nessa rede mundial e a quantidade de informação gerada por nós é descomunal, o problema é saber usa-la. Parece que a Netflix já sabe e soube aproveitar ao máximo para criar uma das maiores séries de sucesso dos últimos tempos com informações de Big Data dos seus próprios usuários.

Por falar em sobrecarga de informação, o Instagram vai permitir gravação de vídeos de até 1 minuto e talvez seja por isso que o algoritmo do Instagram mostrará posts por ordem de relevância, se você não sabe, a utilização de algoritmos evita sobrecarga de informação… ou tudo isso seja simplesmente porque eles querem começar a faturar mais com conteúdo mais relevante, em outras palavras, anúncios!

Falando em faturar, Bill Gates está feliz e nesse mês o Windows 10 chegou a 270 milhões de usuários em todo o mundo, uma ótima notícia para a velhinha Microsoft mas que ainda não conseguiu emplacar nos sistemas mobile, mas pelo menos se redimiu do papelão do Windows 8.

Mas o que me surpreendeu da Microsoft foi sua tentativa de criar uma robô virtual que interage nas redes sociais com os usuários, mas infelizmente ela virou nazista; resta torcer para que na próxima encarnação (versão) ela vire hippie paz e amor e que nunca ela se transforme na skynet!

Voltando ao Mundo SEO o Google está cada dia mais esperto e já consegue pesquisar até por Emojis (é sério ehehe).

E a empresa de Mountain View exterminou a Toolbar de PageRank… mas não se deixe enganar pelas aparências, os links ainda são um dos top3 fatores de posicionamento para o Google e provavelmente para todos os outros buscadores, então mãos a obra e link building neles!

Mas crie links com moderação de forma natural, não gaste todo seu tempo nisso, invista seus esforços na experiência do seu usuário até porque o consumidor só vira cliente após a segunda compra.
E por falar em segunda compra os pagamentos “automágicos” como no Uber estão virando tendência mundial e são uma ótima forma de reduzir o atrito do pagamento assim como fidelizar o cliente.

 

Otimizar é deixar aquela lata velha uma Ferrari e para isso não basta fazer tudo certinho, tem que ser feito com excelência!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *